Planta Cartográfica Oficial de Pará de Minas

Planta Cartográfica Oficial de Pará de Minas 2014

Planta Cartográfica Oficial de Pará de Minas 2014
2014 / 2016

Cores de Minas Sua Melhor Investimento!!!

Quem Tudo Criou Por Amor do Micro ao Macro

Quem Tudo Criou Por Amor do Micro ao Macro
Quem Tem O Maior Amor do Universo? É Jesus Cristo Nosso Eterno Senhor

Pará de Minas - Vista Noturna

Pará de Minas - Vista Noturna

São Geraldo e Adjacências

São Geraldo e Adjacências

Recanto da Lagoa e Adjacências

Recanto da Lagoa e Adjacências

Santos Dumont e Padre Libério

Santos Dumont e Padre Libério

155 Anos de Emancipação Político-Administrativa do Município de Nova Ser

Pará de Minas Meu Paraíso

Pará de Minas Imagem Aérea

Pará de Minas Imagem Aérea
Pará de Minas A Capital Mineira do Frango

Pará de Minas 156 Anos

Pará de Minas 156 Anos

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

155 Anos de Emancipação de Pará de Minas

Pará de Minas completou dia 20 de setembro de 2014, 155 anos de emancipação político-administrativa. A data não foi feriado municipal, o que causou insatisfação na maior parte da população. Devido à crise hídrica que toma conta da cidade muitas festividades foram suspensas, reduzindo bastante a programação comemorativa que foi aberta na praça Afonso Pena, com uma sessão cívica. 

 O evento foi marcado pela participação de várias escolas da rede pública e particular, vereadores, secretários e pessoas da comunidade. As bandeiras do Brasil, Minas Gerais e Pará de Minas, foram hasteadas pelas mãos do Prefeito Antônio Júlio de Faria, do ex-prefeito e vereador Silésio Mendonça e da Superintendente Regional de Ensino Tânia Morato, enquanto a Banda Lira Santa Cecília executava o Hino Nacional e também o Hino do Município. Durante o evento, que foi acompanhado por cerca de duzentas pessoas, também houve apresentação cultural do Grupo Sons que Encantam, da Escola Municipal Elvira Xavier de Melo e também do grupo musical da Escola Orosina Cecílio Mendonça. Também foram apresentados os alunos do SENAI que foram medalhistas na edição nacional da Olimpíada do Conhecimento, realizada no início do mês em Belo Horizonte. Como orador oficial, o prefeito discursou lamentando a crise hídrica do município e em toda a região Sudeste, que justificou inclusive a suspensão do calendário de festas no município. Antônio Júlio pediu como presente dos 155 anos do município, um boa chuva em toda a cidade. Ele também falou sobre os investimentos na educação municipal e na conclusão de obras públicas que têm sido inauguradas durante o mês de aniversário da cidade. Para 2015, o prefeito garantiu empenho para realização de muitas festas para compensar esse momento difícil que a cidade vive esse ano. A programação desse 20 de setembro seguiu no Polo da Cultura e do Turismo, na praça Torquato de Almeida, com ações gratuitas de saúde, através da medição de glicose e pressão arterial. No Parque de Exposições, aconteceu a 2ª Gincana Ambiental de Pará de Minas. Às 3 da tarde, no Campo do Guarani, disputa da Taça Independência entre o América e o Atlético, categoria Junior. Às 4 da tarde, missa festiva rezada no Santuário Nossa Senhora da Piedade e às 20h, no Teatro Geraldina Campos, estreia do espetáculo ‘A Próxima Vítima’. O Jornal da Manhã foi às ruas saber como é que a população está vendo a chegada dos 155 anos de Pará de Minas. A falta d’água acabou com o clima de festa, deixando a população muito insatisfeita com a dura realidade. A revolta das pessoas é tão grande que elas apontam vários outros problemas no dia a dia de Pará de Minas: O prefeito Antônio Júlio admite que o momento é difícil, mas diz que a população não deve perder a esperança em dias melhores: